11.4.06

se alguém perguntar por mim

diz qui estou por aqui: www.poesiahoje.art.br/atrasdosolhos

20.3.06

e, sim, claro, estão todos convidados pro saravá tb. amém.
bom, todos sabem que o blog está horrível. estamos mudando de casa e estou meio sem tempo de arrumar. mas a casa melhorzinha agora é esta aqui. e todos estão convidados. até o outro, o aquele, a outrona, e o paulo autran.

17.3.06

bom, fui arrumar um blog e desarrumei outro. ou melhor: continuo arrumando outro, a conhecidíssima entidade deste blog. mas o negócio é o seguinte: por enquanto aqui vai ficar bagunçado mesmo. retorno quando puder. agradeço a compreensão.

16.3.06

sarav�, my brother

estarei, no dia 21 de mar�o, no centro cultural da ufmg, saravando o dia mundial da poesia e o dia internacional de combate � discrimina��o racial. estar�o l� o m�sico e ator maur�cio tizumba, os poetas renato negr�o e m�nica de aquino, o ator e poeta benjamin abras, o bailarino e curador rui moreira, e outras poss�veis surpresas. al�m, � claro, do grupoPOESIAhoje. haver� muito mais coisas tamb�m. d�em uma olhada no que o jaguadarte diz. SARAV� DE CELEBRA��O DO DIA MUNDIAL DA POESIA E DO DIA NACIONAL DE COMBATE � DISCRIMINA��O RACIAL DIA: 21 de mar�o, ter�a-feira. HOR�RIO: 20h LOCAL: Centro de Cultura da UFMG Avenida Santos Dumont, 174 - Centro

o jaguadarte convida

Cambada do cora��o, hoje tem fun��o! �s 17h30, abrindo a vers�o 2006 do projeto QUINTAS PO�TICAS, promovido pela Escola Guignard, a performance ELIMINADOR DE RU�DOS, novo trampo do Combo de Artes Afins Bananeira-ci�ncia, integrado por Chico de Paula (laptop, objetos sonoros e visuais, voz, textos), VJ Tatu Guerra (laptop, didjridoo, percuss�o e proje��es), DJ Rato (turntables e dan�a), Paulo Thomaz (violino, engenhocas eletr�nicas e ac�sticas e voz) e por mim (voz, textos, objetos sonoros e visuais, teclado). O t�tulo, obviamente, n�o deve ser entendido ao p� da letra. Ou n�o ser�amos quem somos. Como atra��es extras, estar�o conosco hoje o bailarino Leonardo Peixoto e as meninas Carmem e In�, xod�s, respectivamente, do Chico de Paula e do autor destas mal digitadas linhas. Onde fica a Guignard? Na avenida Asc�nio Burlamarque, 540, Mangabeiras. Quanto custa? Nada. Consta que vai rolar um debate depois da apresenta��o, que tem dura��o aproximada de 4O minutos. E a�, vai perder? - jaguadarte � o blog do ricardo aleixo.

15.3.06

uma thurman � a mo�a dos polegares grandes, em AT� AS VAQUEIRAS FICAM TRISTES .uma homenagem �s vaqueiras que agem.

pensamento do dia

.poesia � risco. corte e costura tamb�m.

no n�mero 04 da NASDAQ

VERONICA - N�o entendo; a sua hist�ria acabou? - Hoje est� um dia quente. - Mas ningu�m casou na hist�ria! - Sabe, eu nunca quis me casar. - Como ningu�m casou no fim da hist�ria, ela n�o terminou. - Acho a castidade uma virtude, contanto que ela n�o seja praticada. - Mas � claro que ela poderia ter acabado se algu�m tivesse morrido. - A eternidade tamb�m � uma virtude se n�o for praticada. - Uma hist�ria acaba ou com um casamento ou com morte. Se os dois ocorrem, nem o leitor pode continuar. - Com um infarto fulminante, o final ficaria abrupto. Com uma doen�a degenerativa, longo... Mas n�o: o melhor � escrever abruptamente uma prolongada agonia e muito lentamente um fim s�bito. Provaria que vida e escrita s�o opostas. - Uma hist�ria em que algu�m se casasse com um morto acabaria com todas as hist�rias. - Mas morte e escrita s�o opostas? - Por isso n�o entendo. A hist�ria n�o terminou. - Quer casar comigo? - Eu n�o gosto de sopa. - Tamb�m n�o. Quer casar comigo? - Acho que n�o. O dia est� muito quente. - � mesmo. E ent�o o matou. - P�dua Fernandes. *** DECAPTA��ES V "L�utile revenu du rasoir."" Beaumarchais Ant�nio, mestre peruqueiro, pegou sua companheira em amorosa baralha com um terceiro. E a cabe�a �he talha com a navalha, gritando: - Traidora! Libertina! E pensando: - barata e bela, tenho assim uma cabe�a-modelo para p�r na vitrina. - Pere Quart, tradu��o de Ronald Polito *** NASDAQ, al�m de ser a sigla para sistema eletr�nico de cota��o da associa��o nacional de intermedi�rios de valores, era (ou ainda �?) uma revista, em xerox, editada por eduardo sterzi e tarso de melo, entre 2003 e 2004. n�o sei se � isso mesmo, mas parece que tinha alguma rela��o com a publica��o da revista cacto. algu�m a� poderia me dizer se a cacto ainda existe? agradecida.

13.3.06

atualizando jesus

passei o s�bado conversando com meus queridos companheiros de folguedo. depois de muito discutir sobre igreja, dinheiro e est�tica, conclu�mos que j� pensaram demais em baudelaire e rimbaud. agora � hora de atualizarem jesus. para tanto, para tal, parassint�tico, poderiam utilizar as novas tecnologias no espet�culo da f�. que tal um holograma de jesus? esse quase irm�o de carlinhos de jesus poderia recepcionar os fi�is (e tamb�m os infi�is, j� que a compaix�o � tremenda) todos os dias na porta do templo. pensamos tamb�m que jesus poderia ser lan�ado em dvd. JESUS EM DVD: VOC� PAGA PRA CRER. *** hoje fui ver meus recados inern�ticos e meu querido amigo nen� havia me indicado esta p�rola: pinto de jesus. oremos, em F5, pois.

10.3.06

- Jill Corson, Hunt for the Right Shoe.

nota de falecimento

(com um beijo pro negr�o) m�rcia x. morreu. jarbas medeiros morreu. e eu mesma j� n�o me sinto muito bem.

roteiro de escritas absurdas do rio de janeiro

v� ao teatro! quem n�o vai ao teatro fica igual ao lula! (vendedor de ingressos na cinel�ndia) v� ao teatro! ah... voc� n�o vai ao teatro n�o, n�? fica vendo doming�o do faust�o... (o mesmo vendedor, no outro dia) eu sou feia mas n�o tem problema, voc� tamb�m �. (dora longo bahia, na exposi��o escalpo carioca e outras can��es, no ccbb) nada do que � humano nos � estranho (corpo de bombeiros em copacabana) PASTELARIA E SORVETERIA BACANA (na rocinha)